Lugares de nossa cidade que amamos visitar. Um tour para aproveitar detalhes de Brasília

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

1 | Mirante da Torre de TV + Feirinha + Estádio Mané Garrincha

Vista da Torre de TV

Faça do mirante da Torre de TV, que paira 75 metros acima do Eixo Monumental, sua primeira parada na turistagem brasiliense. A visita é gratuita e acontece de 3ª a domingo das 9h às 20h.
Feira da Torre de TV

Ao pé da Torre funciona uma feira de artesanato e comida, com botequins que servem pratos típicos de várias regiões brasileiras. De 3ª a 6ª nem todos os stands abrem; de sexta a domingo a feira funciona a pleno vapor (fecha 2ª).

No sábado de manhã dá para começar o passeio com a visita ao Estádio Mané Garrincha, que fica a menos de 10 minutos de caminhada. A visita, gratuita, acontece entre 9h e 11h30.

2 | Brasília City Tour

Brasília city tour

Um ônibus de dois andares, que apanha passageiros na Torre de TV (é a primeira parada depois da partida, no Brasília Shopping), é a continuação natural da subida à Torre.

Ponte JK

Em pouco menos de duas horas, o ônibus desce a Esplanada dos Ministérios, pára na Catedral, passa por Congresso e Itamaraty, pára na Praça dos Três Poderes, atravessa a Ponte JK e volta pelo Palácio da Alvorada (com parada) e Memorial JK. Custa R$ 50 (janeiro/2017). Confirme horários de saída e faça sua reserva com a Catedral Turismo, tel. 61/99338-9692 e 61/99304-1992.

3 | Pontão do Lago Sul

Pontão do Lago Sul

Na margem do Paranoá oposta ao Plano Piloto, este é o trecho mais gostoso à beira do Lago Paranoá. Dá para caminhar pelo calçadão, apreciando o movimento dos barcos, veleiros e surfistas stand-up; bares e restaurantes (como o Mormaii Surf Bar, a cervejaria Bierfass, o nordestino Manzuá e o japa Soho) completam a estrutura, espaçados entre si. A sensação é a de estar num parque, não num shopping a céu aberto. O lugar é concorrido ao entardecer e nos fins de semana.

4 | Passeio de barco pelo Lago Paranoá

Fundos do Alvorada

Os fundos do Alvorada

Os catamarãs da Mar de Brasília passeiam pelo Lago Paranoá nas tardes de sábado e domingo. A navegação dura uma hora (1h15 no passeio de domingo ao meio-dia) e passa perto da Ermida Dom Bosco, pelos fundos do Palácio da Alvorada e chega ao ponto mais fotogênico para uma selfie com a Ponte JK ao fundo. As saídas são do Pontal do Lago Sul, sábado e domingo, às 16h e às 17h30. Custa R$ 40 (crianças, R$ 30; janeiro/2017). Reserve até sexta-feira pelo email mardebrasilia@gmail.com ou pelos fones 61/3964-1296 ou 61/982-214-446; sábado, domingo e feriado use o email marcosvin.lima@gmail.com e os telefones 61/984-527-785 Darse ou 61/984-549-991.

Leia maisMar de Brasília

5 | Catetinho + Alvorada

CatetinhoCatetinho

Catetinho

OK, estou fazendo contabilidade criativa: tratam-se de dois passeios diferentes. Mas são tão relacionados que vale a pena serem agrupados.

Catetinho é um simpaticíssimo museu que conserva as instalações nada palacianas da residência de Juscelino Kubitschek durante a construção de Brasília. Fica a 30 km do Plano Piloto, na direção do Gama. Abre de 3ª a domingo, das 9h às 17h, com entrada gratuita.

Alvorada

Palácio da Alvorada

Alvorada é a residência de todos os presidentes que vieram depois de JK. As visitas acontecem apenas na quarta-feira, das 14h30 às 16h50. Há um limite de 200 visitantes; as senhas são distribuídas por ordem de chegada.

Leia mais: Intrigas palacianas: Catetinho x Alvorada

6 | Catedral

Catedral

Catedral

Mesmo com seu interior desfigurado — originalmente, não era pintado –, a Catedral reina como a obra número 1 de Niemeyer em Brasília. Por dentro, a Catedral envidraçada, que parece se oferecer aos Céus, emociona até ateus (como o arquiteto).

7 | Congresso + Itamaraty

Vizinhos, podem ser visitados na seqüência.

Congresso Nacional

Salão Verde

Salão Verde

O tour pelo Congresso leva 50 minutos e acontece todos os dias, entre 9h e 17h. De 6ª a 2ª não é preciso agendar: basta aparecer no saguão do Congresso e esperar a próxima saída. De 3ª a 5ª, porém, dias de pico da atividade parlamentar, é preciso agendar nesta página. A visita é gratuita; em dias de semana, você certamente assistirá a um trecho de sessão parlamentar.

Itamaraty

Eu não consegui visitar o Itamaraty, porque quando tentei, havia uma greve de servidores. Mas sei que vale por um museu, dada a importãncia das obras de arte, tapeçarias e adornos de seu acervo. Há visitas guiadas todos os dias. De 2ª a 6ª das 14h Pas 16h30; sábado e domingo das 10h às 15h30. Confirme horários e reserve (é essencial) pelo tel. 61/2030-6155.

8 | Palácio do Planalto

Palácio do Planalto

Se o Alvorada só pode ser visitado no meio da semana, em compensação o Planalto, onde os presidentes despacham, está disponível para o turista de fim de semana. A visita é aos domingos, das 9h30 às 14h. 200 senhas são distribuídas por domingo. A visita é gratuita.

9 | Torre de TV Digital

Torre de TV Digital

A última obra de Niemeyer é, na minha opinião, uma das mais fraquinhas. Na boa: não acho que compensa se abalar até os lados de Sobradinho só para enfrentar uma fila enorme e subir a um mirante tão longe da cidade que não serve nem para contemplação. (Por que está listada aqui? Por que se eu não listar, a caixa de comentários vai ser só de perguntas sobre ela.)

Torre de TV Digital

Atualização: a Torre de TV Digital está fechada para visitação. Caso volte a receber visitantes, esta página informará os detalhes.

10 | Eixo Monumental à Noite

Palácio do Planalto

Imperdível! Não deixe de passar em revista a Esplanada à noite. A iluminação é show. Se não estiver de carro, pegue um táxi: vale muito a pena.

Você também pode querer ler