Internacional de Porto Alegre e Flamengo se enfrentarão nas quartas da Liberdadores e

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Inter domina o Nacional-URU, vence com autoridade e vai às quartas

Diante de mais de 48 mil pessoas no Beira Rio, Colorado bateu os uruguaios por 2 a 0, com gols de Rodrigo Moledo e Paolo Guerrero.

O Inter foi dono do jogo ao longo de todo o confronto desta quarta-feira. Dominou o Nacional-URU desde o início, e se impôs em um Beira Rio lotado, em noite de quebra de recorde de público no novo estádio. Diante de 48 mil pessoas, o Colorado venceu por 2 a 0 e garantiu a passagem para as quartas de final da Copa Libertadores da América de 2019.

Os gols do Inter foram marcados em dois tempos distintos. No início do jogo, Rodrigo Moledo marcou de cabeça. Já nos acréscimos, Paolo Guerrero marcou o segundo e fechou o placar que assegurou a vaga na próxima fase.

Agora, o Inter terá o Flamengo pela frente, já que os cariocas eliminaram o Emelec nos pênaltis. Pelo Brasileirão, o próximo compromisso do Inter é contra o Fluminense, no sábado, às 19h, também no Maracanã.

Colorado domina e marca no início 

O Inter começou a partida com Bruno na lateral direita, conforme era esperado, mesmo com a recuperação de Zeca. Já o Nacional iniciou com Mejía, também recuperado de lesão, como o titular do gol, substituindo Rochet. No setor ofensivo, o técnico Álvaro Gutiérrez manteve Lorenzetti entre os 11 iniciais.

O Inter começou o jogo em ritmo intenso. Aos 15 minutos, Nico López já havia finalizado com perigo três vezes. A pressão deu resultado rápido. Aos 17 minutos, após cobrança de escanteio do lado esquerdo feito por D’Alessandro, Rodrigo Moledo, que completou 150 jogos com a camisa do Inter diante dos uruguaios, subiu mais alto que a defesa do Nacional para abrir o placar.

Com a vantagem ainda maior no agregado, o Inter sentiu-se ainda mais confortável no Beira Rio. E foi dono do jogo ao longo de toda a primeira etapa. Especialmente pelo setor direito, com Bruno e D’Alessandro, insistia e criava chances de ampliar. O Nacional-URU, por outro lado, não levou perigo ao gol de Marcelo Lomba.

O Inter chegou a “ampliar” em duas oportunidades. Aos 34 e aos 46 minutos, o atacante Nico López marcou. Mas, em ambas as ocasiões, o bandeira flagrou posição irregular. Apenas na segunda vez o VAR foi acionado, mas as imagens confirmaram que o uruguaio estava adiantado.

Nos acréscimos, Guerrero fecha o placar 

O Nacional-URU voltou com uma postura diferente na etapa final. Precisando de dois gols para se classificar, passou a ocupar o campo do Inter, algo que não havia feito no primeiro tempo. Ainda assim, não criou chances de perigo nos primeiros minutos, apenas cercando a grande área colorada.

Com a necessidade do gol, o Nacional passou a dar espaços. Mesmo fazendo jogadas em velocidade, especialmente com Ramírez, os uruguaios oportunizaram contra-ataques para o Inter, e o confronto ficou franco, aberto, com as duas equipes explorando seus extremas para criar as chances.

A partir dos 30 minutos da etapa final, os ânimos dos uruguaios esfriaram. O Inter reconquistou o domínio do confronto, mas também pouco criou. Administrou a vantagem, tocou a bola e ainda arriscou alguns contra-ataques. Já nos acréscimos, ainda houve tempo para Paolo Guerrero marcar o gol que fechou o placar em 2 a 0 e garantiu a classificação às quartas de final.

Libertadores 2019 – Oitavas de final

Inter 2 

Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso (Nonato), Patrick, Edenílson, D’Alessandro e Nico López (Rafael Sobis); Paolo Guerrero. Técnico: Odair Hellmann

Nacional 0

Mejía; Cotugno, Corujo, Felipe Carvalho e Viña; García, Neves, Zunino (Fernández), Lorenzetti (Barrientos) e Ramírez (Castro); Bergessio. Técnico: Álvaro Gutiérrez

Gol: Rodrigo Moledo (17/1T) e Paolo Guerrero (48/2T)

Cartões amarelos: Bruno e Nonato (Inter); Corujo e Neves (Nacional-URU)

Árbitro: Fernando Rapallini (ARG)

Local: Estádio Beira Rio, em Porto Alegre (RS)

Público: 48.530

Renda: R$ 3.085.090,00

Em uma noite de muita emoção, o Flamengo classificou-se para as quartas de final da Conmebol Libertadores.

Na noite desta quarta-feira, quase 68 mil torcedores foram ao Maracanã acompanhar o jogo de volta das oitavas, depois de uma derrota do Rubro-Negro por 2 a 0, no jogo de ida. No tempo normal, o Fla venceu por 2 a 0 – gols de Gabigol -, levando a decisão da vaga para os pênaltis. Nas penalidades, vitória por 4 a 2 dos comandados de Jorge Jesus, com Diego Alves salvando ao defender uma cobrança.

Com o resultado, o Flamengo pegará o Internacional nas quartas de final da Conmebol Libertadores, com as datas das partidas de ida e volta ainda a serem confirmadas. Pelo Campeonato Brasileiro, o Rubro-Negro volta a campo no fim de semana – domingo, às 16h, visita o Bahia.

Fontes: Correio Do Povo e O Lance

Adaptações:

Alexandre Torres

Guará News

Você também pode querer ler