Bebê abandonado! Menina recém-nascida foi encontrada por moradores e passa bem. Mãe ainda não foi identificada.

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Bebê abandonado! Menina recém-nascida foi encontrada por moradores e passa bem. Mãe ainda não foi identificada.

Uma menina recém-nascida foi abandonada dentro de uma sacola plástica na tarde desta quinta-feira (31), na QNB 13, em Taguatinga, Distrito Federal. Câmeras de segurança flagraram a mulher que carregava a criança pouco antes do abandono.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher que aparece no canto esquerdo do vídeo é a responsável por deixar a criança em uma calçada. Ela usa blusa branca e bermuda e segura uma sacola.

Nas imagens, a mulher caminha em frente às casas. A rua está movimentada. Um pedestre passa do outro lado da pista, e carros trafegam na via.

Moradores encontraram criança

A menina recém-nascida foi encontrada por moradores, na calçada em que foi deixada. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a criança foi localizada às 16h38 e levada pelos moradores ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT).

 Secretaria de Saúde informou que a menina “foi avaliada pela equipe médica e se encontra saudável, estável e permanecerá no hospital para observação”.

Recém-nascido foi encontrado dentro de  sacola de plástico na QNB 13, em Taguatinga — Foto: Polícia Civil/Divulgação Recém-nascido foi encontrado dentro de  sacola de plástico na QNB 13, em Taguatinga — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Recém-nascido foi encontrado dentro de sacola de plástico na QNB 13, em Taguatinga — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Ainda de acordo com a pasta, o serviço social foi acionado, assim como o Conselho Tutelar, já que a mãe do bebê não foi encontrada. Até a última atualização desta reportagem, nenhum responsável pela criança havia sido identificado.

Investigação

Uma ocorrência também foi registrada na 12ª Delegacia de Polícia, em Taguatinga. De acordo com o delegado Josué Ribeiro da Silva, o caso é investigado como exposição ou abandono de recém-nascido. A pena para o crime pode chegar a dois anos de reclusão.

Ainda segundo o delegado, a menina estava vestida. Outras três peças de roupa também foram encontradas na sacola. As pessoas que acharam o recém-nascido prestaram depoimento.

Adaptações: Alexandre Torres

Guará news

Você também pode querer ler