Zen e pertinho do DF: veja locais para fazer detox espiritual

Zen e pertinho do DF: veja  locais para fazer detox espiritual

Destinos no DF e nas proximidades oferecem retiros e práticas zen a quem quer se desconectar da vida real e relaxar em meio à natureza

Os memes do Twitter e do Instagram não deixam dúvidas: muitos de nós não aguentam mais 2019. Mercúrio retrógrado, economia instável, cenário político movimentado e excesso de tecnologias. Não faltam razões que gerem ansiedade e frustração. É comum que, vez ou outra, surja a vontade de largar tudo e “fugir para as colinas”. A boa notícia é que, se esse for o único jeito, elas não necessariamente ficam longe. No Distrito Federal e arredores, há inúmeras alternativas de retiros “zen” a quem está em busca de contato com a natureza, autoconhecimento e espiritualidade.Por meio de meditações, rituais, yoga, palestras, massagens e até retiros em ashrams, muitas vezes inspirados em tradições hinduístas, tibetanas e budistas, esses locais têm como proposta oferecer experiências transformadoras e dias para sossegar a cabeça, o corpo e a alma.

A boa-nova? Geralmente, são destinos localizados em verdadeiros santuários em pleno cerrado, e permitem um contato íntimo do visitante com a natureza. Se está precisando se desligar, veja guia de locais que oferecem retiros espirituais e práticas mindfulness; além de um manual com dicas importantes para ler antes de jogar tudo para o alto. Confira!

Sítio Nós na Teia
Fazenda Taboquinha Quinhão, chácara 1-B, Jardim Botânico. Informações e agendamentos: sitionosnateia@gmail.com

REPRODUÇÃO/FACEBOOKReprodução/Facebook
Sítio promove contato com natureza e yogaterapia

Espaço Naves Lunazen

Chapada dos Veadeiros, a 280km de Brasília, é considerada pelos espiritualistas o chacra cardíaco do planeta. Segundo eles, a região fica sobre uma imensa placa de quartzo de quase dois bilhões de anos. Na mais esotérica das chapadas brasileiras, não é de se estranhar que os meios de hospedagem embarquem na onda das energias extraterrenas.

Localizada em Alto Paraíso de Goiás, destino mais popular da Chapada dos Veadeiros (GO), a Espaço Naves Lunazen é uma pousada temática em que os quartos ficam em chalés com formato de nave espacial. A hospedagem no hotel tem café da manhã detox, relaxamento em bangalôs flutuantes, observação do pôr do sol do alto de uma das “naves” e, claro, massagem ayurvédica.

Espaço Naves Luna Zen
Rua 02, Quadra 01, lote 08 – Alto Paraíso (GO). Informações e reservas: 99928-1946

DIVULGAÇÃODivulgação
Contemplação do sol em cima de uma das naves da Luna Zen
Paraíso dos Pândovas

Paraíso dos Pândavas foi fundado por Giridhari Das, yogui brasileiro famoso pelos seus vídeos e livros práticos que abordam a superação de limitações e formas de encontrar felicidade. Quando não está viajando, é ele quem conduz os retiros e as palestras aos fins de semana.

O pacote de sexta a domingo inclui pensão completa, 70 minutos de aula de yoga, caminhadas guiadas, sessões de meditação, cantos de mantras e aulas de aprimoramento na prática. Também há uma agenda recheada de retiros já programados (e lotados) até julho de 2020.

Paraíso dos Pândavas 
KM 60, GO 239, Estrada para São Jorge, Alto Paraíso (GO). Mais informações: 99108-2009 ou no site do resort

 

DIVULGAÇÃODivulgação
O Yoga Resort Paraíso dos Pândavas é uma reserva ambiental privada com vista para o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Oferece retiros e hospedagem com práticas wellness. Por evento, a fazenda recebe no máximo 30 pessoas
O que saber antes de ir

Você está cansado e precisa relaxar. Coloca algumas roupas na mala e segue para uma experiência desconhecida, mas transformadora. Apesar da descrição romântica – à la Julia Roberts em Comer, Rezar e Amar – há uma série de coisas que é necessário saber. Mesmo que o destino seja próximo. Coloque no check-list:

  • É preciso checar o site dos locais com atenção. Alguns retiros permitem que você chegue sem aviso, outros pedem reserva antecipada. Também há os que funcionam só em retiros com datas fechadas, e outros o tempo todo, no quais você pode chegar na data que preferir;
  • Vá com tempo: acredite, um fim de semana é pouco para esquecer o mundo lá fora. Você demora a se desligar. Se for o único tempo disponível, tudo bem, mas o ideal seriam de quatro dias a uma semana. Até duas, se você quiser mergulhar na experiência de cabeça;
  • A metodologia nesses locais varia bastante. Enquanto alguns são bem rígidos com horários, alimentação e práticas, em outros a programação é mais livre e você participa do que desejar;
  • Inspirada em princípios budistas e hinduístas, a alimentação nos retiros é quase sempre vegetariana ou ovolactovegetariana e prioriza ingredientes orgânicos;
  • Fique atento às regras de conduta. Há retiros em que não se pode falar, ler ou comer nada trazido de casa. Café, tabaco, álcool e música alta normalmente não são permitidos;
  • As acomodações vão de alojamentos com beliches, colchões de palha e banho de balde até vilas cinco-estrelas com piscina privativa. Ou seja, tem pra todos os bolsos. Aproveite!

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email