Jeep, Audi A3, Amarok, L200 e Hilux: veja o que terá no leilão do Detran-DF

Jeep, Audi A3, Amarok, L200 e Hilux: veja o que terá no leilão do Detran-DF

São mais de 300 carros e 100 motos conservados, que serão oferecidos com lances mínimos baixos, a partir de R$ 1 mil, no dia 27

ATUALIZADO 16/10/2020 16:51

Jeep Compass Leilão DetranFLEX LEILÕES
O Departamento de Trânsito (Detran-DF) anuncia o terceiro leilão do ano para 26 e 27 de outubro. O primeiro dia é reservado a centenas de sucatas, que só podem ser adquiridas por profissionais habilitados para o desmanche.No dia 27, a partir das 9h, 338 carros e 124 motos poderão receber lances on-line no site do leiloeiro oficial. Nesse caso, qualquer pessoa maior de 18 anos e residente no DF está autorizada a participar.

A julgar pelos lances iniciais, a estrela do leilão será um Jeep Compass branco, de 2017, cujo preço começa em R$ 9 mil. A tabela da Fundação Instituto de Pesquisa Econômicas (FIPE) indica um preço médio para esse modelo, de R$ 89.320.

Um Audi 3 vermelho, de 2014, também deve atrair lances, a partir de R$ 6 mil. Mitsubishi L200 2007 (R$ 4 mil), Toyota Hilux 2007 (R$ 5,5 mil) e VW Amarok 2015 (R$ 7,5 mil) são opções na categoria picapes, bem como dois Fiat Strada, ambos de 2014, por R$ 4,5 mil, e R$ 5 mil para o modelo Adventure.

Há veículos de uso profissional também, como Hafei Ruiyi 2010 (R$ 1,5 mil), VW Kombi, de 2002 (R$ 1,5 mil), e um micro-ônibus MarcoPolo Volare, de 2003 (R$ 4 mil). Mas a grande maioria dos carros é popular, dos anos 2000 a 2010, com preços entre R$ 1 mil e R$ 2 mil.

Os veículos oferecidos pelo Detran foram recolhidos por infrações de trânsito. Nesses casos, o proprietário não recuperou o veículo por não dispor da quantia necessária para saldar os débitos ou porque esses eram superiores ao valor do carro.

O produto da venda, agora, será abatido da dívida. Se arrecadar mais do que as multas, o Detran repassa ao proprietário. Se o preço obtido for inferior às quantias devidas, a diferença é inscrita na dívida ativa do DF. O novo dono recebe o veículo sem débitos.

O custo total do veículo é a soma do valor do lance vencedor; dos 5% de comissão do leiloeiro; de 0,60% de ICMS; de uma taxa de serviço de R$ 75 a R$ 90; e de uma taxa de emissão do boleto bancário de R$ 5. O pagamento é à vista. Há de se prever também os custos de transferências e eventual emplacamento, com a nova placa tipo Mercosul.

Os interessados devem se cadastrar no site do leiloeiro com, no mínimo, 24 horas de antecedência ao leilão, para transmitir os documentos exigidos. São eles: identidade, CPF e comprovante de residência, já que o leilão só é aberto a moradores do Distrito Federal. O Detran-DF não faz transferência para outras unidades da Federação.

Visitação

Haverá visitação para os veículos conservados no Pátio da FlexLeilões, no STRC Sul, Trecho 2, Conjunto B, lotes 2/3, próximo ao Detran do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), de 19 a 23 de outubro das 8h30 às 17h30. Para evitar aglomeração, é obrigatório agendar a visita por e-mail contato@flexleiloes.com.br, pelo WhatsApp (61) 99625-0219 ou pelo telefone (61) 4063-8301.

A visita é limitada ao exame visual do carro ou da moto. Não é permitido testar ou mesmo verificar as condições de funcionamento dos veículos, que são vendidos no estado em que se encontram, sem possibilidade de recurso ou reembolso em caso de reparos.

Confira o edital do leilão e a lista dos veículos (podem ocorrer modificações na lista até o dia do leilão):

Adaptações: Alexandre Torres
Guará News
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email