Ibaneis reforça doses de vacina contra Covid-19 para está quinta feira. 60.159 doses

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Por Michele Mendes e Walder Galvão, TV Globo e G1 DF

Adaptações: Alexandre Torres

Guará News

Profissional de saúde aplica vacina contra Covid-19 no Distrito Federal — Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

Profissional de saúde aplica vacina contra Covid-19 no Distrito Federal — Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), anunciou que 60.159 doses de vacinas contra Covid-19devem chegar à capital nesta quinta-feira (29). De acordo com o chefe do Executivo, após o recebimento dos imunizantes, o público-alvo da campanha será ampliado para pessoas de 60 e 61 anos.

O total de doses que deverão ser entregues no DF é definido pelo Ministério da Saúde. O quantitativo foi repassado para o GDF nesta quarta-feira.

“Sendo assim, será possível ampliar a vacinação dos idosos de 61 e 60 anos e continuar com a aplicação das forças de segurança.”

As vacinas que serão entregues em Brasília são da CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan e pela farmacêutica Sinovac, e da Covishield – idealizada pela Universidade de Oxford e o laboratório AstraZeneca.

Confira quantitativo:

  • 58.988 doses da AstraZeneca
  • 1.171 doses da CoronaVac

 

O governador afirmou que as doses da AstraZeneca serão usadas para imunizar 56.751 idosos e 2.237 profissionais das forças de segurança. Até esta quarta-feira (28), a campanha abrange pessoas a partir de 62 anos. Ibaneis disse ainda que a CoronaVac será usada para a primeira dose, mas não detalhou qual público.

Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, durante reunião no Palácio do Buriti, em imagem de arquivo — Foto: Renato Alves / Agência Brasília

Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, durante reunião no Palácio do Buriti, em imagem de arquivo — Foto: Renato Alves / Agência Brasília

Apesar da declaração do chefe do Executivo, em nota, a Secretaria de Saúde afirmou que “ainda não foi notificada pelo Ministério da Saúde sobre a chegada de nova remessa de vacinas”. Já a pasta federal disse que “vai divulgar os dados apenas quando o informe técnico estiver pronto”. O prazo é até esta quinta-feira (29).

DF se prepara para receber vacina da Pfizer

 

O Distrito Federal também deve receber o primeiro lote de vacinas da Pfizer, contra a Covid-19, nos próximos dias. A previsão do Ministério da Saúde é que 1 milhão de doses do imunizante do laboratório BioNTech cheguem ao Brasil nesta quinta-feira.

Entretanto, Ibaneis disse que ainda não sabe o quantitativo que será encaminhado ao DF.

Até o momento, Brasília recebeu apenas doses da Astrazeneca e da Coronavac. De acordo com o Ministério da Saúde, as vacinas da Pfizer serão entregues aos estados armazenadas entre -25°C e -15°C – as doses podem ficar nessa faixa de temperatura por até 14 dias.

“Assim que os imunizantes forem colocados na rede de frio nacional (+2°C a +8°C), a aplicação na população deve ocorrer em até cinco dias.”

 

Profissional mostra recipiente com dose da vacina da Pfizer na Alemanha — Foto: Robert Michael/dpa via AP

Profissional mostra recipiente com dose da vacina da Pfizer na Alemanha — Foto: Robert Michael/dpa via AP

Devido ao curto espaço de tempo, o MS orienta que, nessa primeira remessa, a vacinação com as doses da Pfizer fique restrita às 27 capitais do país, que contam com os congeladores adequados.

Segundo a Secretaria de Saúde, Rede de Frio Central da capital – onde os lotes serão armazenados – conta com um “ultracongelador de 570 litros de capacidade”.Os freezers comportam até 40 mil doses e alcançam a temperatura mínima de -80° graus, o ideal para que os lotes da Pfizer durem até seis meses

Ainda segundo a secretaria, a Universidade de Brasília (UnB) colocou outros cinco equipamentos semelhantes à disposição para o armazenamento do imunizante.

Vacinação no DF

 

Até esta terça-feira (27), segundo levantamento mais recente da Secretaria de Saúde, 421.232 pessoas foram vacinadas com a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no DF. O total simboliza 13,80% da população de Brasília.

Além disso, 235.830 pessoas foram imunizadas com a segunda dose. Atualmente, são vacinados na capital idosos com mais de 62 anos, indígenas, profissionais das forças de segurança e da saúde, além de pessoas em instituições de acolhimento.

Você também pode querer ler