Contribuições para o Conselho Tutelar do DF. Código de Ética em pauta até 22 de outubro, participe

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Código de Ética dos Conselhos Tutelares recebe contribuições

Bsb, 18.10.2021

Adaptações: Alexandre Torres

Guará News

As propostas de mudança no documento podem ser enviadas até a próxima sexta-feira (22)

AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: ROSUALDO RODRIGUES

A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) colocou em consulta pública a minuta do Código de Ética e de Conduta dos Conselhos Tutelares para que a população possa contribuir com a construção do documento. O prazo para envio das propostas de alteração no texto segue até a próxima sexta-feira (22), neste link.

“Ao escolher os conselheiros tutelares de sua cidade, a comunidade depositou neles a confiança de que vão seguir uma conduta ética no desempenho de suas funções. Por isso, esse documento é tão importante para nortear a atuação dos conselheiros, apontando um conjunto de regras e princípios indispensáveis em sua rotina de trabalho”, explica a secretária da Sejus, Marcela Passamani.

A elaboração do código tem como base a Lei distrital nº 5.294/2014, que trata da atuação dos conselheiros no Distrito Federal, e no Regimento Interno definido pelo Decreto nº 37.950/2017.

O documento estabelece os princípios e as normas de conduta ética dos conselheiros tutelares e tem entre seus objetivos fortalecer a imagem e a reputação desses atores, essenciais na proteção dos direitos das crianças e adolescentes. Também busca garantir a integridade, lisura, legitimidade e transparência em sua atuação.

*Com informações da Secretaria de Justiça e Cidadania do DF

Você também pode querer ler