Home / Cidades / Está bom para você? No MPDFT, valor médio do contracheque é de R$ 40 mil
Últimas Notícias

Está bom para você? No MPDFT, valor médio do contracheque é de R$ 40 mil

Sem miserê: no MPDFT, valor médio do contracheque é de R$ 40 mil

Levantamento feito revela, ainda, que há membros com holerite acima dos R$ 70 mil, mas órgão afirma que são casos isolados

Ricardo Botelho/Especial para o MetrópolesRICARDO BOTELHO/ESPECIAL PARA O METRÓPOLES
As declarações do procurador Leonardo Azeredo dos Santos de classificar como “miserê” o salário de R$ 24 mil que recebe por mês pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG)direcionaram os holofotes aos contracheques dos integrantes da carreira do Ministério Público. No caso do Distrito Federal, levantamento da reportagem indica que, apenas em agosto, 54,2% de promotores e procuradores receberam valor bruto aproximado dos R$ 40 mil.

O montante representa 209 dos 385 membros ativos do órgão fiscalizador. O número foi pesquisado pelo (M)Dados, núcleo de análise de grande volume de informações do Metrópoles, com base no Portal da Transparência do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT).

A análise dos índices divulgados na página do próprio órgão revela que 36 integrantes (9,3%) recebem mais de R$ 50 mil em valores brutos. A maior remuneração encontrada na referida folha de pagamento chegou a R$ 71.588,50. A menor ficou em R$ 33.689,11.

De acordo com o MPDFT, os montantes mais altos estão acrescidos do adiantamento de um terço de férias – embora essa informação não esteja identificada no Portal da Transparência. A situação ocorre quando há a possibilidade de o servidor gozar as férias com a remuneração antecipada a que teria direito apenas no fim do mês. Caso houvesse o desconto, segundo o órgão, o valor cairia para R$ 35.223,73.

Com base no valor médio disponibilizado pelo site, os rendimentos dos integrantes do MPDFT representam 40 vezes o salário mínimo, atualmente fixado em R$ 998.

Critérios

Para os números apresentados, a reportagem levou em conta a função comissionada ou cargo comissionado; remuneração do cargo efetivo (subsídio); vencimento, além de gratificações para o exercício dos cargos.

Notícias Relacionadas

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*