Home / Cidades / DF tem mais de 6 mil infectados por Covid-19. Outra morte é registrada
Últimas Notícias

DF tem mais de 6 mil infectados por Covid-19. Outra morte é registrada

DF tem mais de 6 mil infectados por Covid-19. Outra morte é registrada

Se considerados os óbitos de moradores do Entorno do DF que se internaram e faleceram em hospitais do DF, a quantidade de vítimas chega a 91

Pronto-socorro do HranIGO ESTRELA/METRÓPOLES

ATUALIZADO 23/05/2020 12:48

O número de mortos pelo novo coronavírus no Distrito Federal aumentou para 85 neste sábado (23/05), um a mais que na sexta (22/05). Se considerados os óbitos de moradores do Entorno do DF que se internaram e faleceram em hospitais do DF, a quantidade de vítimas chega a 91. Segundo o levantamento da Secretaria de Saúde, a capital federal tem 6.024 infectados, número que supera em 76 ao registrado no fim da tarde de sexta. Desse total, 3.281 pessoas se recuperaram da doença.

Para desafogar a rede de Saúde, o GDF começou a receber pacientes no Hospital de Campanha montado Mané Garrincha. Além disso, segundo o governador Ibaneis Rocha (MDB), na próxima semana, o hospital montado no Complexo Penitenciário da Papuda deve começar a atender os infectados. Já são 876 casos de coronavírus no sistema, com duas mortes. A meta é abrir mais leitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), gradualmente. No DF, a média de internação de pacientes graves e que precisam de tratamento intensivo é de 14 dias.

Reabertura gradual
O Distrito Federal está fazendo a abertura gradual do comércio. O governador Ibaneis Rocha se baseia no número de ocupação dos leitos públicos de UTIs para fazer a retomada com segurança e não sobrecarregar o sistema de Saúde. As medidas visam fortalecer a economia do DF, mas sem causar colapso com o aumento da contaminação pelo novo coronavírus.

Dos 283 leitos públicos de UTIs com suporte de ventilação mecânica no DF, 104, ou 36,7%, estão ocupados por pacientes que contraíram coronavírus. Outros 179 estão reservados. De acordo com Ibaneis Rocha, o percentual está dentro da meta do GDF, de até 40%. “Pode ser que, em algum momento, chegue a 50%. Dentro da meta, temos segurança para reabrir as atividades gradualmente”, disse o emedebista à coluna.

Pelo menos 12 capitais têm taxa de ocupação de leitos de UTI acima de 80%. Nessa sexta-feira (22/05), o Governo do Distrito Federal (GDF) publicou decreto autorizando o funcionamento de shoppings centers e centros comerciais, a partir do próximo dia 27. O expediente será restrito: das 13h às 21h.

Além disso, a medida vem acompanhada de outras ações de segurança. Todos os empregados, colaboradores, terceirizados e prestadores de serviços destes centros comerciais deverão ser testados a cada 15 dias. Eles também devem receber equipamentos de proteção individual e álcool em gel 70%.

Áreas de recreação e brinquedotecas, lojas de jogos eletrônicos, cinemas e teatros terão de permanecer fechados. Assim como as praças de alimentação. Já os estacionamentos só vão disponibilizar 50% das vagas, a fim de evitar aglomeração.

O GDF manteve fechados bares, restaurantes, academias, parques ecológicos, entre outros lugares que podem provocar a proliferação de vírus.

Nas últimas semanas, o governo autorizou a reabertura de lojas de rua, que vendem calçados e roupas, e há algum tempo permitiu o funcionamento de escritórios de advocacia, de arquitetura e de lojas de construção.

Adaptações: Alexandre Torres

Guará News

Notícias Relacionadas

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*